Réguas e a Responsabilidade Socioambiental



Sabemos que a atenção com o meio-ambiente é de nossa responsabilidade, sendo visão socioambiental cada vez mais necessária em nossa sociedade, a Mundial Réguas busca uma série de atitudes e ações que promovem a sustentabilidade em seu modo de funcionamento, desde a fabricação até o tratamento de produtos fora do padrão e sobras de produção. Sim, suas réguas são produzidas pensando no meio ambiente. Pense três vezes antes de adquirir uma régua em MDF ou qualquer outro tipo de madeira, pois além da baixíssima durabilidade, o processo produtivo produz uma alta emissão de gases que agravam o efeito estufa. Por mais que um MDF seja certificado como oriundo de reflorestamento, ainda deve ser levado em consideração o processo de plantio, uso de agrotóxicos e manejo da área reflorestada. 

Matéria-prima das Réguas

O acrílico ou polimetil metacrilato (PMMA) é um material termoplástico que tem como característica de poder ser 100% reciclado, recuperando a sua matéria-prima original, não apenas reutilizado como acontece com a maioria dos plásticos. A cadeia polimérica que forma o acrílico pode ser quebrada através de aquecimento para obter-se novamente o monômero metil metacrilato (MMA). Depois de um processo de purificação, este monômero é utilizado na fabricação de novas chapas de PMMA. Os resíduos provenientes da purificação do MMA são destinados para coprocessamento em fornos de cimento. A reciclagem do acrílico evita o descarte em lixões ou na natureza deste material, o que geraria enorme impacto, pois o acrílico não é biodegradável e permaneceria por séculos na natureza.
Um dos materiais com maior aproveitamento de reciclagem é o acrílico. Hoje, no Brasil, são recicladas mais de duas mil toneladas de acrílico por ano. Parte do material a ser reciclado é exportada para processamento fora do Brasil, isso devido o valor do acrílico quando reciclado ser mais barato do que uma peça acrílica nova, pois o acrílico é feito de petróleo e seu processo de reciclagem é mais barato do que a produção do virgem não reciclado (o que ainda não acontece com a grande parte do material reciclado em geral).

Fornecedores

Nós da Mundial Réguas sempre buscamos informações do processo produtivo de nossos fornecedores de matéria-prima. Priorizamos parceiros que tenha o pensamento socioambiental alinhado com o nosso. A matéria-prima que utilizamos em nosso processo de fabricação das réguas é adquirida de empresas com licenciamento ambiental, e que, portanto, seguem as leis vigentes. Nossos fornecedores fabricam nossa matéria-prima seguindo as normas ABNT NBR-ISO 7823-1: Chapas de poli (metacrilato de metila) – PMMA: Tipos, dimensões e características – Chapas Fundidas (Cast).

Processo produtivo (corte inteligente)

Todos os resíduos gerados no processo produtivo são reutilizados internamente ou vendidos a empresas recicladoras. Nossos modelos são pensados para proporcionar e melhor aproveitamento possível do material. Criamos, adaptamos, testamos e alteramos para que tudo se encaixe e gere menos desperdício. A técnica utilizada no processo produtivo não gera resíduos e não necessita de outros produtos ou processos para acabamento, dispensando o uso de produtos químicos nesta etapa.

Embalagens

Produzimos produtos OEM, diretamente para o consumidor final. Não utilizamos embalagens plásticas desnecessárias, focamos no produto e no baixo custo final ao nosso cliente. Sabemos que determinadas embalagens plásticas podem levar até 450 anos para se decompor na natureza. Então para quê uma embalagem que não agrega qualquer funcionalidade ao uso do produto? Apenas para o cliente retirar o produto da embalagem e essa correr o risco de ir diretamente para o meio-ambiente? #MenosEmbalagem

Estoque Just In Time

Utilizamos o sistema Just In Time de administração de nossa produção, que determina que tudo deve ser produzido, transportado ou comprado na hora exata, assim reduzindo desperdícios em toda a cadeia produtiva, desde matéria prima, energia, e outros custos decorrentes. Nossos produtos somente são fabricados a tempo de serem vendidos, mantendo um estoque mínimo baseado em sistema estatístico de previsão de vendas. O conceito é simples e está ligado diretamente a economia de recursos em geral, ao produzir por demanda, evitando esse desperdício todos ganham: a natureza, nosso cliente, nosso fornecedor, nossos funcionários, nossa empresa, nossos vizinhos, nosso país.

Projeto de distribuição de réguas LD (leve defeito)

Todas as peças que, por algum motivo, não atendam os nossos critérios de qualidade ao fim do processo produtivo, mas apresentem usabilidade (classificados como LD) são destinados a doação. LD quer dizer “leve defeito”, peças que não passaram no controle de qualidade por algum motivo. Pode ser desde um leve aranhão a problemas de gravação ou padronização, mas todas em um bom estado para utilização em todos os aspectos técnicos de uso, são disponibilizadas para projetos e pessoas impossibilitas de adquirir nossos produtos. Esse projeto funciona sempre que produtos estão disponíveis em critérios de LD e as pessoas e projetos passem por avaliação. 

Reciclagem 

Há ainda a preocupação na utilização de materiais que provoquem o mínimo possível de impacto ambiental, e é através da reciclagem do material e transformação deste em novas chapas que a Mundial Réguas tem como prevenção evitar o descarte do acrílico na natureza, o que geraria um impacto ambiental negativo. Além disso, o INDAC (Instituto Nacional para o Desenvolvimento do Acrílico) possui um programa para auxiliar o transformador no descarte correto de resíduos de acrílico.
O acrílico, como plástico nobre que é, pode ser 100% reciclado, basta que produto descartado corretamente volte aos produtores de chapas. Nós como utilizadores de acrílico no processo produtivo somos responsáveis pelo descarte correto, que pode ajudar na produção de chapas recicladas de melhor qualidade e mais baratas. E a natureza agradece!
Sendo assim, realmente não há motivos para não reciclar o acrílico, (só existem benefícios ao reciclar o acrílico??) sai mais barato para todos e para o próprio planeta, resolvendo um problema crucial para a sobrevivência de todos (resolve?). Além de contribuir para o aumento da qualidade da chapa reciclada e de sua redução do preço, o estímulo do retorno do material excedente às empresas produtoras ainda faz com que a cadeia se ajuste à Lei da Logística Reversa, que torna todos os elos do mercado responsáveis pelo descarte ecologicamente correto dos resíduos sólidos.

QUEIRA O BEM, PLANTE O BEM, O RESTO VEM...


Redes sociais:


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Manual Curva de Corte e Costura com Cava Marlene Mukai - Ref. 1006

Réguas Marlene Mukai em parceria com Mundial Réguas

Novidade | Conjunto Gabaritos de Roupas